O sistema de coworking é uma modalidade recente de trabalho e bastante condizente com o espírito do mercado no século XXI, no qual várias pessoas trabalham juntas em um mesmo espaço físico, realizando tarefas e atividades distintas. Porém, há ainda quem tem dúvidas quanto ao nível de produtividade que o coworking possibilita — o que deve ser esclarecido com alguns apontamentos sobre esse formato de trabalho.

E é sobre isso que falaremos neste artigo! Conheça como o coworking pode melhorar a sua produtividade!

Vantagens do coworking

O primeiro ponto positivo nesse sistema tem a ver com a possibilidade de colaboração e troca de informações entre as equipes que estão produzindo no mesmo espaço. Quando dúvidas profissionais surgem é sempre bom contar com colegas de profissão, para através da criatividade fomentada coletivamente, encontrar saídas para os dilemas do dia a dia. Além disso, você pode organizar a sua agenda de maneira flexível e de acordo com as suas demandas.

Deriva desse ponto outra vantagem no que diz respeito a construir networking através do contato com diversos outros profissionais, o que, por exemplo, seria mais difícil em um sistema como o home office. Em um espaço onde várias equipes atuam juntas surgem oportunidades de novos negócios e relações de trabalho podem ser fortalecidas de forma a otimizar a dinâmica de cada empresa.

É preciso ressaltar também que o equilíbrio conquistado ao se trabalhar em um ambiente rico de contatos profissionais instiga a todos a desenvolver novas estratégias e aprimorar suas funções dentro de um ambiente propício para tanto. Quando se trabalha em casa, por vezes é difícil manter a concentração e focar no que interessa, porém em um ambiente estimulante, as aptidões de cada um podem fluir com mais desenvoltura e com a sadia separação entre vida pessoal e profissional.

Ambiente estruturado e otimizado

Também é preponderante o fato de que no coworking normalmente tem-se um ambiente físico maior para abrigar várias equipes, com uma infraestrutura bem estabelecida, que conta com a colaboração de mais profissionais para ser desenvolvida, e por isso, resulta em uma organização a qual pode acrescentar e muito em termos de produtividade.

É importante lembrar que uma estrutura coesa na qual seja possível ter uma sala de reunião para atender clientes, um serviço de secretária para organizar a demanda e até mesmo mobiliário e acessórios úteis para o cotidiano do trabalho, traz uma boa imagem para o ambiente e passa credibilidade perante os clientes.

Colaboração e disciplina

Por fim, não se deve perder de vista que a produtividade no coworking, mas também em outros sistemas de trabalho, depende do ambiente criado pela própria pessoa para se exercer as funções de cada cargo. A ideia de poder trabalhar em conjunto exige valores como disciplina, bons modos e senso colaborativo agregados a mecanismos que tornem mais organizada a lida diária nesses locais.

Se tudo funciona bem graças ao empenho prévio em manter o aspecto funcional do coworking, torna-se mais fácil dedicar-se com total atenção à produção diária de tarefas. Essa modalidade existe para facilitar o desenvolvimento das empresas e com o planejamento prévio indispensável pode resultar em encontros estratégicos, que poderão terminar em excelentes frentes de trabalho no futuro.

Fonte: www.deskcoworking.com.br